Casas inteligentes

Você gosta de tecnologia, internet e sofisticação? Gosta de ter o domínio e liberdade na palma das mãos? Então a casa inteligente é para você.

Sendo acessível através de diversos dispositivos, conectados através da internet, a casa inteligente possibilita ao morador controlar muitas ações com um simples ‘clique’ ou comando de voz, como, por exemplo, o ar-condicionado, a iluminação, a tranca e abertura das portas, portões e janelas e a programação do alarme. Em alguns casos, é possível também ajustar a temperatura da água das torneiras ou chuveiros. 

As casas inteligentes também permitem ligar, desligar e controlar aparelhos eletrônicos. Outro benefício é a segurança que proporcionam, pois pode-se monitorar toda a casa através do celular. 

Para quem pensa que a casa inteligente é para os preguiçosos, engana-se. A iniciativa tem por objetivo ajudar o morador a economizar com gastos desnecessários com energia e água e a promover o consumo consciente. Para os idosos, promove a autonomia. 

A construção é feita com materiais recicláveis e para se tornar viável é preciso do trabalho conjunto entre profissionais das áreas de Arquitetura, Tecnologia da Informação e Engenharia Civil. O pedreiro ou construtor também precisa ter experiência na área para que tudo ocorra dentro dos conformes. 

De acordo com a Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial (Aureside), atualmente existe uma média de 900 mil a 2 milhões de casas inteligentes no País – algo que em 2015 chegava perto de 300 mil.